Seis razões pelas quais a medicina de atenção primária é importante

Publicidade

 

Seis razões pelas quais a medicina de atenção primária é importante

Publicidade

A atenção primária é uma parte essencial do sistema de saúde. Os prestadores de cuidados primários, como médicos de família e pediatras, são vitais para os resultados de saúde a longo prazo dos pacientes porque fornecem serviços como vacinas e diagnóstico de doenças. Esses provedores também ajudam a reduzir os custos prevenindo ou gerenciando condições crônicas antes que elas se tornem mais caras para tratar – o que significa menos dinheiro gasto em visitas ao pronto-socorro.

A atenção primária é um termo amplo e pode ser definido como o primeiro ponto de contato para aqueles que necessitam de cuidados de saúde. Inclui, mas não se limita a, medicina familiar, medicina interna, pediatria e obstetrícia/ginecologia. Os médicos de cuidados primários do Tri-County são treinados para fornecer todos os aspectos do atendimento médico a seus pacientes, desde serviços preventivos, como vacinas, até o gerenciamento de condições crônicas, como diabetes ou asma. Historicamente, a atenção primária era o único tipo de assistência médica disponível, com muitas pessoas nunca vendo um especialista fora da prática de seu próprio médico primário até que estivessem muito doentes. Isso mudou ao longo do tempo, com mais especialistas sendo incorporados às práticas, o que pode dificultar para alguns pacientes encontrar um médico que os aceite como um novo paciente.

A atenção primária é uma parte importante do sistema de saúde

O tratamento médico é uma questão complicada e uma das partes mais importantes a serem consideradas para sua saúde. A atenção primária inclui qualquer assistência médica que você receba de médicos de família, internistas, pediatras ou clínicos gerais que ajudem a diagnosticar problemas antes que eles possam se tornar uma doença grave em adultos ou crianças.
A atenção primária é uma parte contínua de nossas vidas porque é assim que evitamos que condições médicas mais significativas aconteçam mais tarde. A atenção primária é uma parte importante do sistema de saúde. Ele fornece vários serviços com boa relação custo-benefício para muitas pessoas, incluindo check-ups e vacinas.

A atenção primária avalia e gerencia problemas de saúde comuns, como diabetes ou depressão

Um médico de cuidados primários é um médico que você verá para todas as suas necessidades médicas, desde exames físicos até pneumonia. Os médicos da Atenção Primária lidam com problemas de saúde comuns, como diabetes e depressão.
Os médicos da atenção primária são o primeiro ponto de contato com qualquer paciente que tenha uma doença aguda ou crônica, incluindo doenças mentais como transtorno de ansiedade, doença bipolar e esquizofrenia. Eles fornecem avaliação e gerenciamento dessas condições que incluem terapia farmacológica, se necessário, e intervenções comportamentais que incluem terapia cognitiva junto com psicoterapia interpessoal.

A atenção primária inclui serviços preventivos para manter os pacientes saudáveis, como exames físicos ou vacinas

A prevenção de doenças e enfermidades é um objetivo primordial para todos os profissionais de saúde. A atenção primária inclui serviços preventivos, como exames médicos ou vacinas para manter os pacientes saudáveis, reduzindo assim a necessidade de intervenções de saúde adicionais posteriormente.

A atenção primária fornece gerenciamento de doenças agudas nos casos em que a hospitalização não é necessária

Se você está acordando de manhã sentindo-se um pouco indisposto, talvez seja melhor consultar seu médico. Afinal, os cuidados primários fornecem gestão de doenças agudas e muitas vezes podem oferecer tratamento para doenças com risco de vida.
A atenção primária é importante porque oferece tratamentos que podem não exigir hospitalização ou outros procedimentos mais invasivos. Eles também gerenciam casos de emergência em que os pacientes precisam de ajuda para gerenciar sua condição em casa, em vez de serem internados em uma clínica, além de fornecer serviços de prevenção de doenças crônicas, como triagem de diabetes, que ajuda a manter as pessoas saudáveis, garantindo que não haja sinais precoces não detectados até mais tarde, quando as coisas podem se tornar prejudiciais se não forem tratadas!

O médico de cuidados primários coordena com especialistas quando necessário para condições mais complicadas

O médico da atenção primária trabalha com especialistas quando necessário para lidar com condições mais complicadas. O médico de cuidados primários é a primeira pessoa que você vê para qualquer tipo de problema médico e trabalha em conjunto com outros médicos conforme necessário, dependendo de sua condição. O especialista pode ser chamado se surgir algo que precise de uma opinião ou conhecimento totalmente diferente do que está disponível em sua clínica – isso pode variar de cirurgia ortopédica a transplantes de coração!

Os pacientes podem receber tratamento a qualquer hora do dia ou da noite sem hora marcada, porque a maioria dos médicos primários trabalha em horário de plantão

Não há necessidade de marcar uma consulta específica com seu médico de cuidados primários porque eles trabalham em horário de plantão. Os pacientes podem receber tratamento a qualquer hora do dia ou da noite sem problemas, e os pacientes não precisam se preocupar em entrar em contato com seu médico fora do expediente. A coisa mais conveniente sobre visitar seu cuidador principal (PCP) é que você pode ir a qualquer momento – não há visitas ao consultório disponíveis, então você está em boas mãos durante a semana!

Tomada Final

A atenção primária é uma parte importante da saúde de uma pessoa. Os médicos da atenção primária são bem versados ​​na prevenção, diagnóstico e tratamento de doenças comuns, bem como doenças crônicas, como diabetes ou pressão alta. Eles também podem coordenar seus cuidados médicos com outros profissionais, como enfermeiros e farmacêuticos. Para muitas pessoas que têm acesso a serviços de atenção primária, eles atendem a todas as suas necessidades de saúde – de exames preventivos a medicamentos para doenças crônicas – o que ajuda a mantê-las saudáveis ​​para que não precisem de tratamentos mais caros mais tarde, quando as coisas piorarem.
Publicidade

Deixe um comentário